domingo, 4 de setembro de 2011

A forma


Quando olhamos ao nosso redor, percebemos que todas as coisas têm uma forma, e as formas dos objetos, muitas vezes, estão ligadas a sua função. Observe uma cadeira. Se a função dela é nos acomodar sentados, ela não poderia ser diferente, o que muda é o “design”, ou seja o desenho dela. E isso já originou uma profissão, pois existem pessoas que ganham a vida desenhando ou inventando formas diferentes para os objetos que já existem. Veja quantos estilos diferentes de cadeira você conhece ou já viu, não é?



A forma no desenho, na pintura ou nas demais expressões artísticas pode ser:


Formas Figurativas
São as formas das figuras ou imagens reais, que também chamamos de formas definidas, pois só olhando para elas já identificamos o que são. Por exemplo: uma maçã e um copo.



Formas Abstratas
São aquelas que desenhamos com liberdade de expressão, como já vimos nas unidades anteriores. São também chamadas de formas indefinidas. Por exemplo: Manchas.



Formas Geométricas
Percebemos essas formas na maioria dos objetos que nos cercam, pois são projetadas a partir das figuras geométricas. Por exemplo: uma lata de ervilha tem a forma de cilindro ou, ainda, a forma de um retângulo.


A construção de um desenho figurativo parte da noção de juntar formas, ou seja, criar a estrutura, a base do desenho. Como por exemplo, ao desenhar uma pessoa. Primeiro você cria um círculo ou uma forma oval para criar uma cabeça, depois um retângulo pra criar tronco e assim vai juntando formas diversas que darão a idéia estrutural do esboço desse desenho.

Veja como é fácil desenhar com formas




Atividade – DESENHO COM FORMAS GEOMÉTRICAS.

Crie cinco desenhos figurativos diferentes utilizando apenas formas geométricas. Capriche pintando seus desenhos! Cole esses densehos na folha decorada por faixas decorativas. Atividades que você irá fazer em seguida.



Atividade – DESENHOS DECORATIVOS EM FAIXA.

Como na atividade de grafismo, onde você criou margem decorada com linhas, você irá desta vez criar uma margem decorada usando faixas decorativas (ver imagem abaixo)  com o emprego formas geométricas em uma folha de sulfite ou em seu caderno de desenho. Capriche

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIA-LA.



Atividade – DESENHO COM REPETIÇÃO DE FORMAS (COMPOSIÇÃO COM FORMAS GEOMÉTRICAS).

Em uma folha de papel sulfite ou em seu caderno de desenho, preencha o máximo possível do espaço, com a repetição de uma forma de livre escolha, variando seu tamanho e posição. (Veja exemplos na imagem abaixo) Pinte as formas usando lápis de cor ou barra de cera.

Orientação básica:  desenhe primeiro a lápis, levemente, apagando sempre a parte não visível das partes sobrepostas; o trabalho pode ser feito a mão livre ou com uso de instrumento auxiliares (régua, compasso etc);

CLIQUE NA IMAGEM PARA AMPLIA-LA.




 



Um artista brasileiro que se destaca no cenário mundial com sua arte pop  é Romero Britto. A grande caracterísca de suas obra é o emprego de desenhos com formas estilizadas geometrizadas  e cores bem vibrantes.

 Vídeo: A arte de Romero Britto






O TANGRAM

Tangram é um quebra-cabeça chinês formado por 7 peças (5 triângulos, 1 quadrado e 1 paralelogramo).

As sete peças do Tangram

Com essas peças podemos formar várias figuras, utilizando todas elas sem sobrepô-las. Segundo a Enciclopédia do Tangram é possível montar mais de 1700 figuras com as 7 peças. Esse quebra-cabeça, também conhecido como jogo das sete peças, é utilizado pelos professores de matemática como instrumento facilitador da compreensão das formas geométricas. Além de facilitar o estudo da geometria, ele desenvolve a criatividade e o raciocínio lógico, que também são fundamentais para o estudo da matemática. Não se sabe ao certo como surgiu o Tangram, apesar de haver várias lendas sobre sua origem. Uma diz que uma pedra preciosa se desfez em sete pedaços, e com elas era possível formar várias formas, tais como animais , plantas e pessoas. Outra diz que um imperador deixou um espelho quadrado cair, e este se desfez em 7 pedaços que poderiam ser usados para formar várias figuras. Segundo alguns, o nome Tangram vem da palavra inglesa "trangam", de significado "puzzle" ou "buginganga". Outros dizem que a palavra vem da dinastia chinesa Tang, ou até do barco cantonês "Tanka", onde mulheres entretiam os marinheiros americanos. Na Ásia o jogo é chamado de "Sete placas da Sabedoria".



Mais sobre Tangram: Blog da Professora Lúcia Martinelli


Vídeo: Criando desenhos com tangram.
 
.

JOGO DE TANGRAM ON LINE:





Atividade – TANGRAM.


Seguindo o exemplo acima, risque em um folha de papel sem pauta três jogos de Tangram, pinte cada jogo com uma cor diferente. Crie desenhos usando cada jogo cortando, montando e colando as peças de maneira correta. Capriche!







O ABSTRACIONISMO

Este estilo de pintura surgiu no começo do século XX e não tem compromisso nenhum com o mundo real (não imita a natureza). No começo, isso chocou muitas pessoas, que não entendiam aqueles quadros “estranhos”. O artista abstrato se desliga do compromisso de retratar a realidade, pois esta arte é um exercício livre de criação e imaginação, com total liberdade no emprego livre da cor, forma e da textura.

O Abstracionismo dividiu-se em:
Abstracionismo informal, lírico ou expressivo - Valoriza a composição livre, predominam os sentimentos e as emoções, como nas obras de Kandinsky e Pollock.




Vídeo: Arte de Jackson Pollock


Abstracionismo  geométrico - As formas e as cores devem ser organizadas de tal maneira que a composição resulte apenas a expressão de uma concepção geométrica. As obras de Malevich e Mondrian mostram exatamente isso.





Vídeo: Aula sobre abstracionismo

Vídeo: Obras de arte abstatras




Atividade – DESENHOS COM FORMAS ABSTRATAS.

Nesta atividade você deverá criar dois desenhos com formas abstratas. O primeiro você baseado no abstracionismo informal e o segundo baseado no abstracionismo geométrico.
Em ambos os desenho capriche colorindo os espaços criados entre as linhas.

No caso do abstracionismo informal, se desejar pode desenhar uma linha aleatória que irá criar várias formas: Em seu caderno de desenho trace uma linha de forma aleatória criando formas abstratas. Esta linha percorrerá toda a folha por diversas vezes até voltar ao ponto inicial.


Exemplos:





O CUBISMO

O cubismo nasceu com o artista Cézanne, quando ele representou a natureza, com cilindros, esferas e cones, em 1906. Em 1907, Picasso pinta o quadro “Les Demoiselles d’ Avignon” com claro conteúdo cubista. Mas, em 1908, no Salão de Paris, outro pintor, chamado Matisse, julgando uma pintura de Braque disse: “Demasiados Cubos”. Sem saber, Matisse estava batisando a nova pintura.

Seus principais representantes foram os artistas plásticos: Picasso, Braque, Léger, Juan Gris e Marcel Duchamp.


Pablo Picasso foi considerado um dos gênios do século XX, passou por várias fases em sua pintura, inclusive o figurativo, mas o que o consagrou forma os trabalhos cubistas. Uma das características mais importantes de sua obra são as faces compostas de dois lados: uma de perfil, outra de frente.
Picasso morreu em 1973, aos 91 anos, no sul da França.

(*) A arte de vanguarda é inovadora e está na dianteira dos acontecimentos.


Vídeo: Aula sobre cubismo


Vídeo: Características do cubismo


Série: O poder da Arte - Picasso
http://www.youtube.com/watch?v=KW3VJZbxB3g




Atividade – MONTAGEM CUBISTA COM RECORTES.


Escolha uma foto sua, ou uma imagem grande de um rosto de uma pessoa em jornais ou revistas.
Atrás da imagem trace figuras geométricas diversas.
Recorte e reserve os pedaços para uma montagem cubista.
Antes de iniciar a colagem, faça um projeto. Arrume as peças de maneira que as figuras não se encaixem corretamente, de forma tradicional.
Vá colando peça por peça. Entre uma e outras você pode aplicar cola colorida ou preencher ou espaços com cores.
Capriche!






Bibliografia:

Magrin, Jussara M. de O.
Artes: artes visuais, música, teatro/ Jussara M. de O. Magrin, Jair Santana, Severo Brudzinski.
- Curitiba: Educarte, 2002. (Editora educarte)

Haddad, Denise Akel. Arte de fazer arte.
- São Paulo: Saraiva, 2004. (Coleção - Arte de fazer arte)

Marchesi Jr. Isaías.
Atividades de educação artística.
- São Paulo: Editora Ática, 2004. (Coleção Atividades de educação artística - Comprar livros)

Valadares, Solange. Diniz, Célia.
Arte no cotidiano escolar. 
- Belo Horizonte: Editora Fapi, 2001. (Coleção - Arte no cotidiano escolar)

Briochi, Gabriela.
Arte hoje.
- São Paulo: FTD, 2003 (Coleção - Arte hoje)

O Mundo da Arte - Enciclopédia das Artes Plásticas em todos os tempos. Vários autores. (Livros a venda no mercado livre)

Um comentário:

  1. Muito interessante esse material.Gostei muito.

    ResponderExcluir